05 julho 2011

COMO CUIDAR DOS PÉS E MÃOS

Ola Meninas! 

     Eu gosto muito de assistir o programa bem estar da globo, e gente é muito bom, pois ele te dá dicas de como cuidar da saúde. E o programa e hoje fala de como cuidar dos pés e mãos. Se você gosta de tirar cutículas, se corta as unhas erradas, vale apena ler, e seguir as dicas, eu já estou seguindo tudidinhooo!!!


Cortar unhas retas e não tirar cutícula evitam problemas em pés e mãos

Cuidar dos pés é importante não só para mantê-los com uma boa aparência, mas também para deixá-los saudáveis – livres de calos e unhas encravadas. Cortar as unhas da forma reta ajuda a evitar problemas e sofrimentos futuros.
Pisar corretamente é um jeito eficaz de prevenir calos. Portanto, escolher um sapato adequado é fundamental. O Bem Estar desta terça-feira (5) com ajuda de especialistas,  fala sobre prevenção, tratamento e como evitar contaminações.



A pele que se acumula nas unhas e vira a cutícula é feita de queratina, uma proteína muito resistente que funciona como uma barreira de proteção em todo o corpo. As células que produzem queratina ficam na camada córnea, a mais superficial da pele e a que mais descama.
Para renovar as unhas das mãos, levam-se até três meses, contra 8 meses do dedão (a pele é trocada por inteiro em 30 dias e os cabelos vivem até 5 anos). O ideal é não retirar a cutícula, apenas empurrá-la, já que a região fica muito próxima da parte viva da unha, onde uma inflamação pode ocorrer facilmente. No salão de beleza, as manicures e pedicures devem esterilizar os equipamentos em autoclave.
Quem tem familiares com histórico de unha encravada deve ficar atento: o problema costuma ser hereditário e aparecer logo nos primeiros anos de vida. O dedo que mais sofre com unha encravada é o dedão, que geralmente é pressionado pelo dedo do lado. Nesse pequeno espaço, a queratina acaba crescendo embaixo da unha. Mas se desesperar não adianta nada, e cortar essa unha em casa pode ser perigoso e desencadear uma infecção.
Já os calos são uma manifestação do organismo de que existem atrito e pressão no local, o que pode ser causado por um calçado apertado ou um bico fino. É aí que se acumulam várias camadas de queratina na região, como forma de proteção. Mas, quando elas endurecem, viram o calo – que não deve ser raspado nem lixado sem orientação.
Em algumas pessoas mais sensíveis, não adianta trocar de sapato nem usar um número maior: é preciso usar um ortopédico, que é mais flexível e provoca menos atrito com o pé. Casos mais graves demandam uma ida mensal ao podólogo.
Segundo a podóloga Roseli, lavar bem os pés – no meio dos dedos e ao redor das unhas – é extremamente importante para evitar problemas. Pessoas obesas, idosas, diabéticas e com dificuldade de locomoção podem usar uma banqueta de plástico no banheiro para fazer essa higiene corretamente. As unhas podem ser limpas com uma escova de dentes macia. Depois do banho, deve-se hidratar os pés com um creme.

Cuidar da saúde e beleza, isso sim é ser bonita por completo...


2 comentários:

Mari Barros disse...

Vi o programa,a chei que foi tão rápido que ver mais sobre assunto. Como manicure adoro saber essas coisas para passar para minhas clientes.

Nice disse...

então, tb achei que foi pouco, mais olhando no site vi que tinha mais coisas, por isso resolvi colocar aqui para dividir com vcs...obrigada pelo comentario...seja bem vinda...bjs...
Nice

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
desenvolvido por jessica chan e programação por rebeca franca